Topo
Saque e Voleio

Saque e Voleio

Dia 1 da Laver Cup tem bolada em Federer, palavrão de Djokovic, ola de Rod Laver e mais

Alexandre Cossenza

22/09/2018 02h12

Entretenimento não faltou no dia de estreia da edição 2018 da Laver Cup. Os jogos foram bem disputados, com bom nível de tênis, o público de Chicago se envolveu nas partidas e, como tinha de ser, os duelos renderam várias cenas bacanas. O destaque do dia, claro, foi a bolada de Novak Djokovic em Roger Federer quando os dois jogavam duplas juntos. E teve mais: um palavrão do sérvio que escapou diante das câmeras, uma ola com a participação de Rod Laver e outras cenas memoráveis. Role a página e confira:

1. A bolada

Ainda era o primeiro set, e Federer e Djokovic estavam se encontrando dentro de quadra. Até que uma bola do sérvio encontrou – literalmente – as costas do suíço. Nunca pega bem acertar o parceiro. Quando o cidadão é o organizador da festa, pior ainda. Mas tudo bem. O suíço levou na brincadeira, e a galera foi às gargalhadas com a reação de Nole.

2. O palavrão que escapou

Um dos baratos da Laver Cup é deixar microfones perto dos tenistas em todas viradas de lado. E, logo depois da bolada, Djokovic soltou um alto "f**k" registrado pelas câmeras. Ele, depois, parece perceber a gafe ao olhar para o telão. Enquanto isso, Federer dizia "é por isso que não jogamos duplas". Nole emendou afirmando que seu coração parou por três segundos. A Laver Cup publicou o vídeo em um tweet, mas cortando o palavrão do sérvio.

Federer e Djokovic acabaram derrotados no que foi o último jogo da sexta-feira e marcou o único ponto do Time Mundo. Jack Sock e Kevin Anderson triunfaram por 6/7(5), 6/3 e 10/6.

3. O pontaço

Cortesia de Diego Schwartzman, que protagonizou uma reação espetacular, saindo de 3/7 para 9/7 no match tie-break contra David Goffin. A sequência incluiu esse bate-pronto dificílimo do vídeo acima e um momento em que o United Center gritava, em coro "Diego, Diego, Diego!"

No fim, porém, Goffin salvou dois match points, virou o game de desempate e triunfou por 6/4, 4/6 e 11/9.

4. Apresentação

O visual do United Center, casa dos Bulls e dos Blackhawks, ficou incrível para o começo da Laver Cup 2018. Se você não viu pela TV, vale conferir a entrada das duas equipes. Tanto a do Time Europa quanto a do Time Mundo.

5. Rod Laver e a ola (e mais comemorações)

Taí o motivo pelo qual os tenistas que não estão jogando ficam em quadra o tempo quase todo. Há sempre uma câmera para registrar as comemorações e o que rola por ali. E isso inclui o grande Rod Laver, 80 anos, participando da ola na competição que leva seu nome.

Coisas que eu acho que acho:

– O primeiro dia terminou com o Time Europa vencendo por 3 a 1, mas o placar beira o irrelevante, já que a pontuação é maior a cada jornada. No sábado, cada partida vale dois pontos. No domingo, três.

– A programação do sábado segue no tweet abaixo. A sessão diurna começa às 15h (de Brasília). A noturna, às 21h.

Sobre o autor

Alexandre Cossenza é bacharel em direito e largou os tribunais para abraçar o jornalismo. Passou por redações grandes, cobre tênis profissionalmente há oito anos e também escreve sobre futebol. Já bateu bola com Nadal e Federer e acredita que é possível apreciar ambos em medidas iguais.
Contato: ac@cossenza.org

Sobre o blog

Se é sobre tênis, aparece aqui. Entrevistas, análises, curiosidades, crônicas e críticas. Às vezes fiscal, às vezes corneta, dependendo do dia, do assunto e de quem lê. Sempre crítico e autêntico, doa a quem doer.